17 maio 2020

Avião que saiu do Recife para Fernando de Noronha apresenta pane e retorna.

“Nós recebemos o comunicado do piloto que havia um problema no para-brisa e, como não era possível manutenção na ilha, foi necessário retornar”, afirmou o superintende de Saúde da Administração do Distrito, Fernando Magalhães, que estava a bordo.

O major da Polícia Militar, Goubery Albuquerque Alves Faustino, também estava no voo e relatou o ocorrido. “O piloto informou que a aeronave teve um aquecimento na cabine porque o para-brisa trincou. Em princípio ficamos um pouco assustados com o aquecimento, mas foi apenas na cabine e foi tudo tranquilo”, contou.

Além do superintendente de saúde e do major da PM, estavam no voo bombeiros e servidores do governo do estado. A aeronave é do tipo ATR, que comporta 70 pessoas e sairia de Noronha com a capacidade máxima, com moradores que deixariam a ilha.

Os passageiros receberam a informação de que o voo cancelado será realizado no domingo (17). O Blog Viver Noronha entrou em contato com a Azul para obter informações sobre os problemas da aeronave e o novo voo, mas até a publicação desta reportagem não obteve resposta.

Ilha fechada

O turismo está fechado em Fernando de Noronha desde o dia 21 de março, por conta da pandemia do novo coronavírus, por isso a ilha só recebe um voo por semana. Só funcionários públicos a serviço são autorizados a chegar em Noronha.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos