11 maio 2020

Inscrições para o Enem 2020 começam hoje; saiba como fazer o cadastro.

Da CNN, em São Paulo

(Clique e assista ao vídeo)

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 começam nesta segunda-feira (11) e seguem até 22 de maio. Para se inscrever, os candidatos devem fazer o cadastro no site oficial da prova dentro do prazo, com o preenchimento de um formulário e – no caso de alunos sem isenção – o pagamento da taxa de inscrição, que neste ano custa R$ 85 e deve ser paga entre 11 e 28 de maio, em agências bancárias, casas lotéricas e correios.

Veja, abaixo, mais detalhes sobre a inscrição e a realização das provas, previstas no formato presencial e digital para novembro. Organizador do exame, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibiliza uma página para esclarecimento das dúvidas mais frequentes na preparação.

Provas em novembro

Apesar de pedidos de adiamento diante da crise do novo coronavírus, a princípio o calendário para realização do exame está mantido, com provas presenciais agendadas para 1º e 8 de novembro. A primeira versão digital do exame será em 22 e 29 de novembro.

O Exame Nacional do Ensino Médio foi criado em 1998 para avaliar o desempenho do estudante ao fim do ciclo da educação básica. Desde 2009, passou a ser utilizado também como mecanismo de seleção para o ingresso no ensino superior.

Quem já se formou no Ensino Médio ou se forma neste ano pode utilizar as notas do Enem para complementar notas em vestibulares de universidades brasileiras e mesmo aplicar para algumas instituições portuguesas. O exame também está ligado aos programas Sisu e Prouni.

Pedidos de adiamento

Defensores do adiamento alegam que, mesmo que provas presenciais sejam possíveis em novembro, ainda assim as restrições atuais causadas pela pandemia – com fechamento de bibliotecas e inviabilidade de aulas presenciais em escolas – prejudicam a preparação dos alunos.

Até o momento, porém, o Ministério da Educação (MEC) e o Inep mantêm o posicionamento de seguir o cronograma original. Na última semana, o MEC divulgou campanha nas redes sociais reforçando as datas de inscrição do Enem, sob o lema “o Brasil não pode parar”.

Formulário de inscrição

Para realizar a inscrição no site do Enem, é necessário informar o número do CPF e do RG. Será criada uma senha de acesso que será utilizada em outras etapas do exame (como a posterior verificação do cartão de confirmação e os resultados do candidato). Também é solicitado um número de celular e um e-mail válidos para envio de comunicados.

Prova digital

O exame deste ano traz duas modalidades de prova: o formato impresso (com aplicação prevista em 1º e 8 de novembro) e digital (nos dias 22 e 29 de novembro). A escolha pela prova impressa ou digital foi feita na inscrição e não poderá ser alterada.

A estrutura dos dois exames será a mesma. Serão aplicadas quatro provas objetivas, que incluem 45 questões cada uma, além da redação em língua portuguesa.

Segundo o Inep, a implantação do Enem digital será progressiva até 2026 e atenderá até 100 mil candidatos neste primeiro ano.

Isenção da taxa

De 6 a 17 de abril, estudantes que se enquadravam em determinadas condições divulgadas pelo Inep  poderiam solicitar isenção da taxa de inscrição. Entre os casos com direito à gratuidade, estão estudantes que cursam a 3º ano do ensino médio na rede pública estão entre aqueles que têm direito à isenção da taxa.

O resultado dos pedidos foi divulgado dia 24 de abril e teve possibilidade de recursos entre 27 e abril e 1º de maio.

Mesmo já passado esse prazo, o Inep afirma que vai garantir a gratuidade da taxa de inscrição a todos  os participantes que se enquadrarem nos perfis especificados nos editais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ainda que sem o pedido formal dos inscritos.

A regra vale tanto para os participantes que optarem pelo Enem impresso quanto para os que escolherem o Enem digital e se aplica, inclusive, aos isentos em 2019 que faltaram aos dois dias de prova e não tenham justificado ausência.

Mesmo que contem com isenção automática, porém, os estudantes são obrigados a realizar o cadastro até 22 de maio para participar do exame.

Local de prova

O cartão de confirmação informando onde o candidato realizará provas presenciais será disponibilizado em outubro, ainda sem um dia específico. Nele, haverá um resumo das principais informações sobre a realização do exame: número de inscrição; data, hora e local das provas; dados sobre atendimento especializado (se solicitado); e opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol).

Necessidades especiais e gestantes

O participante com necessidade especializada (gestantes, lactantes, idosos e estudantes em classe hospitalar) pode solicitar esse atendimento entre 11 e 22 de maio, no Sistema Enem, que também receberá pedidos para tratamento por nome social, entre 25 e 29 de maio, com previsão de divulgação dos resultados em 5 de junho. O período para apresentação de recursos será entre 8 e 12 de junho e a disponibilização dos resultados finais em 18 de junho.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos