26 mar 2020

Bita ganha com sobra eleição entre ídolos do Náutico; relembre imagens do Hexa.

Bita jogou na base do clube ao lado do irmão Nado. Fez parte da maior equipe de todos os tempos dos Aflitos, que conquistou o inédito e até hoje exclusivo hexacampeonato estadual, de 1963 a 1968.

Globo Esporte resgata imagens raras do Hexa do Náutico

Globo Esporte resgata imagens raras do Hexa do Náutico. (Clique e assista ao vídeo)

O “Garoto de Ouro” foi artilheiro pernambucano em 1964 (24 gols), 1965 (22 gols) e 1966 (20 gols), além de ter sido artilheiro da Taça Brasil (então Brasileiro da época) de 1965 (9 gols) e 1966 (10 gols). E fez parte do vice-campeonato brasileiro do Náutico na temporada seguinte, em 1967.

Depois de jogar no Timbu, Bita chegou a ganhar quatro estaduais no Santa Cruz e se aposentou cedo, aos 30 anos. O ex-atacante faleceu em 1992, vítima de câncer.

O ex-atacante Kuki, atual assistente-técnico do clube e artilheiro nos anos 2000, foi o segundo colocado, com 20,82%. Os também ex-atacantes Baiano, da década de 1980 (5,35%), e Jorge Mendonça, década de 1970 (3,31%), completam a lista nesta ordem.

Náutico comemora 50 anos da conquista do Hexa do Campeonato Pernambucano

Náutico comemora 50 anos da conquista do Hexa do Campeonato Pernambucano. (Clique e assista ao vídeo)

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos