28 fev 2020

‘Não há motivo para pânico’, diz chefe da OMS no Brasil sobre novo coronavírus.

De acordo com a chefe da OMS no Brasil, a organização declarou alerta máximo, de emergência de saúde pública de interesse internacional, mas ainda não há uma pandemia declarada mesmo que a Covid-19 tenha sido registrada em vários continentes.

“Para uma pandemia, o comitê de emergência, que são comitês de ‘experts’, que analisam os fatos, vai recomendar ao diretor-geral, que é a pessoa que pode declarar uma pandemia, se é ou não necessário declarar ou não uma pandemia. Agora, neste momento, não há uma pandemia declarada”, afirmou.

Gross também ressaltou a importância da antecipação da campanha de vacinação contra a gripe, anunciada pelo Ministério da Saúde, porque a medida imunizará a população e diminuirá eventuais fragilidades imunológicas diante do coronavírus.

A chefe da OMS também afirmou que, no mês que vem, a organização revisará os guias clínicos, ou seja, as práticas de saúde em várias áreas para saber se é preciso ajustar protocolos com bebês, gravidas, idosos e pessoas internadas, por exemplo. A revisão é um protocolo em casos como o do coronavírus.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos