17 fev 2020

Cláudio Humberto: Temendo Anderson Ferreira, Paulo Câmara pode não disputar Senado em 2022.

‘Petelecos’ como Anderson ameaçam o castelo de cartas em que se transformou o Palácio Campo das Princesas. Leia o comentário de Cláudio Humberto

Anderson Ferreira (PL), prefeito de Jaboatão, é uma liderança apontada como candidato ao governo de Pernambuco em 2022 / Foto: Divulgação

Anderson Ferreira (PL), prefeito de Jaboatão, é uma liderança apontada como candidato ao governo de Pernambuco em 2022 – Foto: Divulgação

Cláudio Humberto*

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, pode não disputar o Senado em 2022, e ficar até o fim do mandato, no caso de derrota de João Campos (PSB) para Marília Arraes (PT) na disputa pela prefeitura do Recife. O PSB teme um dos “petelecos” que ameaçam o castelo de cartas em que se transformou o Palácio Campo das Princesas, sede do governo estadual: Anderson Ferreira (PL), prefeito de Jaboatão, promissora liderança apontada como candidato ao governo.

Evangélico, 47 anos, gestor premiado pela ONU, o prefeito Anderson, quando deputado federal, votou a favor do impeachment de Dilma. Outra possibilidade de candidatura a governador, em 2022, é do ex-ministro da Educação Mendonça Filho (DEM).

Mesmo abalado com as múltiplas acusações de corrupção contra o senador Fernando Bezerra Coelho, o MDB terá peso na disputa estadual.

*Cláudio Humberto assina coluna diária no Jornal do Commercio

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos