31 jan 2020

Delegado que descobriu assassinos de Marielle vai investigar milícia no Rio.

Por Athos Moura

Giniton Lages

O delegado Giniton Lages, o primeiro responsável pela investigação do assassinato de Marielle Franco e Anderson Gomes, assumirá a delegacia da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Entre suas atribuições, estará a investigação de algumas milícias, entre elas, a de Muzema, onde dois prédios controlados pelos milicianos desabaram em março do ano passado.

Ontem, o MPRJ fez uma operação contra a milícia no Rio e prendeu o chefe de investigações da delegacia da Barra da Tijuca, Jorge Alves. Os investigadores descobriram que ele mantinha contato com Ronnie Lessa, um dos assassinos da vereadora e seu motorista.

A delegada Adriana Belém, que até então era a titular da delegacia, entregou o cargo no início da manhã de hoje.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos