1 set 2016

PT quer ganhar no 1º turno no Recife.

joao-paulo-povo-dilma-foto-tarsioalves
Foto PT-Org

O discurso da presidente afastada Dilma Rousseff foi bastante duro. No mesmo tom veio o líder do senado Humberto Costa (PT-PE). Farão uma oposição ferrenha e diária ao ponto da ex-presidente dizer ” Vocês não vão nos esquecer “. Completando: “Um grupo de corruptos com 61 votos no Senado não pode derrubar uma presidente que obteve nas urnas 54 milhões e meio de votos. Sou inocente e não cometi nenhum crime de responsabilidade”.
Deu o recado.
Aqui no Recife, o PT, já havia entendido o recado que viria da Executiva Nacional e pela voz da Gaúcha antes do impeachment ser aprovado- Dilma falou várias vezes “o meu Partido”, referindo-se ao PT. Surpreendentemente a militância petista que colocou lá nas alturas a candidatura do ex-prefeito João Paulo que venceu, dentro da margem de erro, em todas as pesquisas eleitorais para a prefeitura do Recife.
Tanto é que o PSB, está até hoje sem entender porque Geraldo Julio não está liderando as pesquisas tendo a máquina administrativa, política e um bocado de partido nas mãos e fica sempre em segundo lugar.
Pior, um dado bem expressivo e que deve ser avaliado com lupa veio da pesquisa JC/IPMN, divulgada na edição de 29 de agosto em que mostra claramente que 51,80% dos entrevistados desaprovam a gestão do atual prefeito Geraldo Julio.
Como o PT está mordido com o afastamento de Dilma e promete uma oposição feroz, pode acontecer tudo, inclusive nada e Geraldo se reeleja.
Agora, pelo andar da carruagem, João Paulo está com mais fôlego. Quer vencer no primeiro turno. No segundo turno são outros quinhentos.
É isso!

Compartilhe esta notícia:
Henrique Barbosa