11 mar 2018

PF cobra de Eunício Oliveira resposta sobre visitas de investigados à residência oficial do Senado.

Pedido relacionado a uma investigação contra Renan Calheiros foi feito em novembro passado. Até o fim de fevereiro, não havia sido respondido.

MARCELO ROCHA

O ex-presidente do Senado,Renan Calheiros,eo atual,Eunício Oliveira.Eles são alguns dos citados na delação da Odebrecht,agora nas mãos de Fachin (Foto:  ANDRESSA ANHOLETE/AFP)

A Polícia Federal cobra do presidente do Senado, Eunício Oliveira(MDB-CE), em caráter de urgência, resposta para um pedido de informação enviado à Casa em novembro do ano passado. Autor do ofício, o delegado federal Bernardo Guidali Amaral quer saber as visitas de pessoas ligadas à Odebrecht à residência oficial do Senado entre 2012 e 2017. A residência oficial fica na Península dos Ministros, no Lago Sul, endereço nobre de Brasília.

A pesquisa faz parte de inquérito contra o senador Renan Calheiros e o governador de Alagoas, Renan Filho, ambos do MDB e suspeitos de terem sido  beneficiados pela Odebrecht com R$ 1,2 milhão de caixa 2 eleitoral. Em troca, segundo a acusação, o parlamentar  atuou em favor dos interesses da empreiteira no Senado.

 

Compartilhe esta notícia:
Henrique Barbosa