12 jan 2018

Clube das Pás promove “Noite do Hawaii” neste sábado (27).

Conde Só Brega, Raízes do Brega e a Oquestra das Pás prometem animar o público em uma noite tropical

Abrindo o calendário carnavalesco op Clube das Pás promove o seu tradicional “Baile do Hawaii” neste sábado (27), com shows de Conde Só Brega, Banda Raízes do Brega e a Oquestra das Pás. O evento começa a partir das 21h. Em 2018 o baile propõe “Uma noite no Hawaii”, com direito a uma decoração alusiva ao arquipélago americano. No repertório não vai faltar músicas bem brasileiras que prometem animar o público que não dispensa o som romântico.

 

Sobre o baile: 

O “Baile do Hawaii” surgiu através de reuniões de antigos diretores que desejavam marcar a agenda do clube durante todo o ano com festas e bailes carnavalescos. Os ingressos custam R$ 30 (inteira), R$ 15 (meia-entrada). O Clube Carnavalesco Misto das Pás fica na Rua Odorico Mendes, nº 263 – Campo Grande, Recife. Mais informações pelos telefones (81) 97111-1649 e (81) 3242-7522.

Serviço:

Noite do Hawaii no Clube das Pás

Local: Clube das Pás, na Rua Odorico Mendes, nº 263 – Campo Grande, Recife

Sábado (27) | 21h

Ingressos: R$ 30 (inteira), R$ 15  (meia-entrada)

Informações: (81) 97111-1649 e (81) 3242-7522

Clube Carnavalesco Misto das Pás

Fundado em 1888, o Clube das Pás é um dos grandes clubes carnavalescos de Pernambuco e surgiu no mesmo período de clubes como Vassourinhas, Lenhadores e  Toureiros de Santo Antônio. A sua origem é do Bloco das Pás de Carvão, devido aos carvoeiros que abasteciam embarcações no Porto do Recife. Em 1890, o seu nome mudou para Clube Carnavalesco Misto das Pás. A agremiação possui o estandarte mais antigo e foi citado em alguns frevos, como por exemplo, “Voltei Recife”, um dos hinos do Carnaval pernambucano.

 

O Clube das Pás representa o mais tradicional espaço de gafieira de PE. Além de frevos, a sua orquestra toca rumbas, salsas, merengues, forrós, tangos, boleros e sambas. A eleição da nova diretoria aconteceu em dezembro de 2015, a qual elegeu como presidente Rinaldo Lima.

Compartilhe esta notícia:
Henrique Barbosa