11 jun 2019

Gilmar Mendes vai liberar para votação pedido de suspeição de Moro no caso de Lula.

POR BELA MEGALE

Evaristo Sá

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes vai liberar para votação do plenário o pedido de suspeição do ex-juiz Sergio Moro no caso do triplex em Guarujá. Segundo assessores do magistrado, o processo deve poder ir para votação a partir de 25 de junho.

O caso está com Gilmar desde dezembro do ano passado, quando ele pediu vista do habeas corpus apresentado pela defesa do ex-presidente Lula. A decisão de liberar o pedido para votação aconteceu um dia depois de mensagens entre o ministro Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol sobre operações da Lava-Jato serem reveladas pelo site “The Intercept”.

Entre os argumentos apresentados pela defesa de Lula, está a aceitação do convite feito pelo presidente Bolsonaro para que Moro ocupasse o cargo de ministro da Justiça.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos