21 maio 2019

OAB-PE quer investigação sobre ameaças ao presidente da OAB de Carpina.

A OAB-PE informa que irá requerer à Secretaria de Defesa Social (SDS) a investigação das ameaças sofridas pela presidente da subsecção de Carpina, Ana Bernardo. Ela passou a receber ameaças após iniciar um trabalho na cidade e região de combate ao exercício ilegal da advocacia por não advogados. O caso foi comunicado pela própria Ana Bernardo em reunião com o presidente da OAB-PE, Bruno Baptista, nesta terça-feira (21), que classificou o caso como “tentativa de intimidação”. Nesta quarta-feira (22), será registrado o boletim de ocorrência policial para investigação do fato.

Além de Bruno Baptista, estiveram reunidos com a Ana Bernardo o secretário-geral adjunto da OAB-PE, Ivo Amaral, e o presidente da Caixa de Assistência dos Advogados de Pernambuco (Caape), Fernando Ribeiro Lins. Após o relato das ameaças, Bruno Baptista acionou a Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas (CDAP) através de seu presidente, Carlos Barros, para acompanhar o caso e prestar assistência à advogada.

Baptista endossou apoio incondicional da Ordem à presidente da subsecção de Carpina e afirmou que, além do pedido de investigações das ameaças, a OAB-PE também tomará as medidas necessárias para garantir a proteção da advogada.

Segue na íntegra a nota da OAB-PE sobre o caso.

NOTA OFICIAL

A Ordem dos Advogados do Brasil em Pernambuco irá solicitar à Secretaria de Defesa Social investigação sobre ameaças à presidente da subsecção da OAB de Carpina, Ana Bernardo, em razão do trabalho dela no combate ao exercício ilegal da profissão por não advogados. O caso foi relatado ao presidente da OAB-PE, Bruno Baptista, e dirigentes da Ordem nesta terça-feira (21) pela própria Ana Bernardo, que irá formalizar na quarta-feira (22) um boletim de ocorrência policial. A Comissão de Defesa, Assistência e Prerrogativas (CDAP) foi acionada para prestar apoio incondicional à advogada.

A OAB-PE não irá admitir tentativas de intimidação contra seus dirigentes nem ataques às suas prerrogativas institucionais e profissionais. Também tomará todas as medidas para a proteção da presidente da OAB Carpina e para a apuração criminal e identificação dos responsáveis pelas ameaças.

Compartilhe esta notícia:
Henrique Barbosa