3 maio 2019

Cais do Sertão recebe a quadrilha Chapéu de Palha neste fim de semana no projeto Anavantu.

Foto: Chico Andrade/Divulgação

Dando continuidade ao exitoso projeto Anavantu, o Museu Cais do Sertão, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco e da Empetur, recebe, neste fim de semana, a quadrilha Chapéu de Palha (Água Fria) para mais um ensaio aberto no espaço Umbuzeiro, situado na área externa do centro cultural. As apresentações acontecem sábado (4), a partir das 14h. O atrativo é gratuito e aberto ao público.

O projeto, que no último sábado e domingo recebeu as quadrilha Matutinho Dançante, do Ibura, e Balão de Prata, de São Lourenço, tem parceria firmada com a empresa de transporte MobiBrasil e a Federação de Quadrilhas Juninas e Similares de Pernambuco – Fequajupe. O programa receberá este ano sete equipes: Quadrilha Matutinho Dançante (Ibura); Quadrilha Balão de Prata (São Lourenço); Quadrilha Chapéu de Palha (Água Fria); Quadrilha Lumiar (Pina); Quadrilha Arrocha o Nó (Cohab/ Recife); Quadrilha Raízes do Nordeste (Paranatama); e Quadrilha Chá de Zabumba (Prazeres).

A iniciativa movimenta a classe artística: em 2018, o Anavantu no Cais do Sertão reuniu 700 profissionais, entre eles quadrilheiros, todos envolvidos com dança, direção, produção, os familiares e moradores das comunidades dos grupos juninos.

“Estamos voltando com uma ação que deu muito certo no ano passado, e o nosso primeiro fim de semana foi um sucesso. O Anavantu reuniu artistas, profissionais de dança e quadrilheiros com um único objetivo: por meio da dança, propagar e enaltecer a nossa cultura nordestina. A ideia é oferecer sempre um ensaio aberto ao público para que turistas e os pernambucanos possam já ir entrando no clima de São João”, comenta o secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes.

Cronograma de ensaios:

04/05 – Quadrilha Chapéu de Palha (Água Fria)

25/05 – Quadrilha Arrocha o Nó (Cohab/ Recife)

26/05 – Quadrilha Raízes do Nordeste (Paranatama)

02/06 – Quadrilha Chá de Zabumba (Prazeres)

SERVIÇO:
Sábado (4), a partir das 14h, no Centro Cultural Cais do Sertão (rua Armazen 10, Av. Alfredo Lisboa, s/n – Recife, PE, 50030-150). Aberto ao público

Compartilhe esta notícia:
Felipe Durand