10 mar 2019

Pacientes registram deboche de médico e até cobrança para continuar atendimento dentro de UPA no RJ.

A reportagem tentou, mas o médico não quis dar entrevista ou mandar uma nota sobre as denúncias.

A Prefeitura de Cabo Frio informou que, após analisar as imagens, o secretário de Saúde, Marcio Mureb, decidiu exonerar o médico, o que deverá acontecer na próxima segunda-feira (11). A comissão de ética da UPA vai encaminhar o relatório ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj).

A nota da Prefeitura disse ainda que, até o momento, a Secretaria de Saúde não havia recebido nenhuma denúncia formal sobre o médico.

A reportagem também procurou os representantes do Cremerj, mas ainda não obteve resposta.

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos