11 jan 2019

Desafeto de ex-diretor da PF consegue cargo importante no ministério de Moro.

Delegado Eduardo Mauat, que integrou a força-tarefa da Lava Jato, será coordenador de Articulação Institucional do Departamento de Recuperação de Ativos.

O delegado da Policia Federal, Eduardo Mauat da Silva Foto: Geraldo Bubniak / AGB/Folhapress

O delegado da Policia Federal, Eduardo Mauat da Silva Foto: Geraldo Bubniak / AGB/Folhapress

O governo nomeou o delegado da Polícia Federal Eduardo Mauat , que participou das investigações da Lava Jato em Curitiba, como coordenador-geral de Articulação Institucional do Departamento de Recuperação de Ativos do Ministério da Justiça, comandado por Sergio Moro. Em 2016, Mauat se envolveu numa polêmica ao gravar um vídeo dizendo que só voltaria à equipe da Lava Jato quando o ex-diretor da PF Leandro Daiello deixasse o comando da corporação. A pressão não surtiu efeito. Daiello só saiu da PF em novembro de 2017, ao se aposentar.

Por Murilo Ramos

Compartilhe esta notícia:
Reinhard Allan Santos