9 out 2018

Sérgio Cabral tem visitas e direito de ver TV suspensos em presídio no Rio.

Em novembro do ano passado, o Ministério Público encontrou camarão, queijo de cabra e bacalhau, entre outros produtos, nas celas onde estavam detidos presos da Lava Jato no Rio.

Preso desde 2016

Sérgio Cabral está preso desde novembro de 2016. Ele é apontado como o chefe de uma organização criminosa que, segundo a Justiça, desviava e lavava dinheiro de contratos públicos.

O ex-governador é réu em 24 processos da Lava Jato e já foi condenado em oito deles, em primeira instância. As penas somam mais de 183 anos de prisão. O ex-governador também é réu em processos do Ministério Público do Rio.

Rhass

Compartilhe esta notícia:
Henrique Barbosa