20 jan 2015

Secretário de Desenvolvimento Econômico realiza primeira visita institucional a Suape.

 

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco e presidente de Suape, Thiago Norões, realizou, nesta sexta-feira (16), sua primeira visita institucional ao Complexo Industrial Portuário. Ele veio acompanhado de seus secretários executivos, assessores e dirigentes dos órgãos vinculados à Sdec. Pela manhã, Norões sobrevoou os 13,5 mil hectares do território de Suape, que abriga o maior porto do Norte/Nordeste, cuja movimentação bateu recorde em 2014, com 15,2 milhões de toneladas, e 150 empresas, entre elas, os Estaleiros Atlântico Sul (EAS) e Vard Promar, a Refinaria Abreu e Lima e a Petroquímica Suape (PQS). Juntos, os empreendimentos somam mais de R$ 50 bilhões e geram 25 mil empregos diretos. O presidente de Suape também conferiu as áreas de conservação ecológica que hoje representam 59% dos 13,5 mil hectares do território.

Em solo, o titular da Sdec conheceu o atual Centro Administrativo, onde cumprimentou todos os funcionários responsáveis pela administração do dia a dia do Complexo, vistoriou as obras do novo edifício-sede que será inaugurado até o primeiro semestre deste ano, e realizou seu primeiro monitoramento das ações de Suape. “Vamos trabalhar para que as ações sejam concretizadas em novos empreendimentos para o Complexo e interior de Pernambuco, pois sabemos que aqui temos um grande patrimônio do Estado, onde já foram investidos mais de R$ 2,2 bilhões de recursos públicos em obras de infraestrutura industrial e portuária nos últimos oito anos”, declarou Norões.

O presidente de Suape foi até a Torre de Controle dos Navios e realizou algumas visitas de cortesia às empresas. A primeira delas foi ao Tecon Suape S/A, do grupo filipino ICTSI (International Container Terminal Service Inc.). No local, foi recebido pelo diretor-presidente, Luis Cao, e aproveitou para conhecer o pátio de contêineres. O Tecon Suape venceu, em 2001, a licitação pública para implantação e operação do terminal por um período de 30 anos. Este é o maior terminal alfandegado de Suape, com 370 mil metros quadrados de área.

Norões conheceu, também, as instalações do Estaleiro Vard Promar, empreendimento de R$ 430 milhões, que está em operação desde 2013 e emprega mais de 1 mil trabalhadores. Sua carteira de encomendas contempla oito navios gaseiros para a Transpetro, o primeiro deles foi lançado ao mar no dia 20 de agosto de 2014 e recebeu o nome do jornalista, escritor e ex-governador, Barbosa Lima Sobrinho. No estaleiro, foi recepcionado pelo vice-presidente operacional, o italiano Andrea Zamburlini, e todo o corpo dirigente do empreendimento.

A comitiva terminou a visita na fábrica LM Wind Power, cujo cicerone foi o presidente global da empresa, o holandês Leo Schot. De origem dinamarquesa, a planta de pás eólicas foi inaugurada em 2013. Com um investimento de aproximadamente R$ 100 milhões, o empreendimento tem uma área total de 40 mil metros quadrados. A fábrica gera, atualmente, 450 empregos diretos.

Compartilhe esta notícia:
Aurino Rosendo